O P.S. QUE A BÍBLIA ESCONDEU

...E não contente em expulsar Adão e Eva do Paraíso e amaldiçoá-los com trabalho, partos,TPM, dupla jornada, patrão e cliente, Deus, que era um tremendo dum machista, ainda deu um jeitinho de piorar as coisas "praquela perua assanhada" : inventou a celulite, a tendência a engordar e as revistas femininas com padrão estético pra lá de Bangladesh. E viu que era mau. E quando nem isso acalmou Sua ira, o Grande Sacana criou a Nhá Benta e o Häagen Dazs sabor Crème Brûlée. E neste momento Ele deu uma risada tão sádica e maligna que fez desmaiarem três anjinhos e acordou até Seu oponente, que dormia o sono do Justus, muitos andares abaixo, onde não tem ar-condicionado. Dizem que Belza ficou tão arrepiado que teve que tomar dois copos de água de melissa gelada com açúcar, e tão surpreso que passou pertinho assim, quase-quase quase mesmo, pelo beiço de uma pulga, de fazer o pelo-sinal.



Escrito por Cynthia às 19h52
[] [envie esta mensagem]



TICO & TECO TALK

Juro que toda vez que vejo um desses celerados - eu disse celerados, nunca acelerados - que dirigem feito uns asnos dopados com seus adesivozinhos escrito "Propriedade do Senhor Jesus" colados no vidro traseiro, tenho vontade de seguí-los, furtar ou depredar o carro e deixar um bilhetinho dizendo "Só mexi no que era meu. Assinado : J.C."

 

 

*        *         *

 

 

Hoje vou assistir à Fábrica de Chocolates, do meu amado Tim Burton. Já repararam que é pelo menos a segunda vez que alguém cobre, ops, mistura Johnny Depp com chocolate ? Sei não, acho que não sou só eu que gosto da idéia de um Live Oreo com o capitão Jack Willy Sparrow Wonka...

 

 

*        *         *

 

A Scotland Yard pediu desculpas por ter arrebentado a cabeça do eletricista brasileiro com 7 tiros, depois de seguir o coitado à paisana (e de não ter avisado à população sobre a nova política de shoot to kill). Pediu desculpas, ora pois. O que me faz pensar, o que será que eles fazem quando esbarram numa velhinha, atropelam um cachorro ou pisam no pé de alguém, dizem “fuck you” ?

 



Escrito por Cynthia às 13h07
[] [envie esta mensagem]



I SPY WITH MY LITTLE EYE...

Já falei muito delas aqui. As vizinhas do mal. As que gritam, batem boca, se desentendem, ou até concordam e se elogiam, mas sempre em altos brados, das 7 da madrugada à meia-noite, ou mais tarde. A mãe e a filha mais velha são as piores, mas sei que há um pai/marido e uma filha mais nova, que não berram tanto, e às vezes parece haver um moleque também, este até gritador também, mas menos presente, graças a Zeus. Os fofos são o tipo de gente que rouba toalha de hotel – minha área de serviço dá de frente pra delas, o que hei de fazer ? Ver, né ? E hotel de Caldas Novas, ainda por cima, aquela cidade onde quase toda piscina é um caldeirão fervente à espera de moças que tragam “sustança” e transformem seu caldo de bactérias em canja.

São pessoas tão invasivas, sem pudor e sem medida, que até suas comidas têm cheiro mais forte que as dos outros. Dia desses, por exemplo, devem ter queimado a carne assada, deixando o hall, elevadores e esta que vos fala com aroma artificial de churrasco. Cozinham pequi o ano inteiro, até fora de época, e suspeito que nem gostam, mas fazem isso só para afrontar nossos olfatos também, caso a audição se acostume aos maus-tratos. Batem panelas, amontoam lixo fora do horário de recolhimento, espancam o botão do elevador com tanta ênfase que quase dá pra acreditar que ele vai subir mais rápido por causa disso.

A mais velha já mandou a mãe atuar passivamente num ato de sodomia, e fez isso com tanta classe e discrição que tenho certeza de que até os velhinhos surdos, tão abundantes no prédio, ouviram.

Sim, já falei muito delas, e se já falei outras vezes, por que falar de novo ? Só pra contar que no fim de semana, ao fazer uma de nossas sessões de cozinhar juntos (gatim pica a cebola e o alho, eu faço o resto), rir muito, namorar um bocado e dançar ao som de golden oldies, de roupa caseira e pés descalços, na cozinha de casa, vi a menorzinha nos espiando por um bom tempo através da vidraça semi-fechada. Ficou ali quietinha, meio escondida, só os olhos por cima do parapeito. Depois de uns minutos, nem meia música, saiu da cozinha e apagou a luz. Nem comentei nada com o Nelson, que, atento como é, certamente nem percebeu. Mas eu achei interessante. O que será que se passou na cabecinha dela ?

Pode ser que tenha nos achado uns velhos babacas e nossa música uma baba chata (I only have eyes for yoooouuuu...). Pode ser que tenha tido uma pontinha de inveja ao ver que, ao contrário dos velhos dela, os coroas do apartamento em frente convivem bem e sem gritos. De um jeito ou de outro, acho bom que pelo menos ela tenha visto, em primeira mão, que é possível, sim, que pessoas comuns, que não são personagem de filme nem famosas, ricas ou bonitas, tenham um casamento feliz, gostem da companhia um do outro e não soem sempre como cães brigando. Quem sabe assim ela pense antes de perpetuar esse jeito permanentemente em guerra de sua pequena e barulhenta tribo. Se isso acontecer, seu futuro marido, e principalmente, seus futuros vizinhos, têm uma dívida enorme comigo e o gatim. Escrevi tudo isso pra dizer que aceitamos pagamento adiantado, em forma de silêncio. Pelo menos na hora do almoço.



Escrito por Cynthia às 15h50
[] [envie esta mensagem]



PRE-PRE-PREVIEW

Se e quando este filme começar a passar no Brasil alguém me avisa, please ? Parece ser daqueles que fazem valer a pena o ingresso e o tempo que se passa assistindo. Pra não dizer o tempo que levou pra ser feito, 20 anos. É um documentário autobiográfico montado por imagens que um garoto começou a fazer aos 11 anos, pra se proteger da família desajustada, da loucura da mãe e da ameaça constante da própria descompensação mental, e que juntou, uniformizou - tinha VHS, filme 16mm, super 8 etc. - editou, finalizou e sonorizou no Mac do namorado em poucos dias. Tá sendo aclamado pela crítica e pelo público, e pelo que eu li, parece merecidíssimo. Até por ter sido filmado ao longo de praticamente toda a vida do moleque, e por mostrar uma coisa rara até em ficção, quanto mais em realidade, que é o tal do amor incondicional, adorei o slogan também : "Your best creation is the life you lead." I really, really hope so.



Escrito por Cynthia às 10h14
[] [envie esta mensagem]



CADÊ A PETA ? II, THINGS GET WEIRDER

ou MONKEY BUSINESS AGAINST SPANKING ONE'S OWN MONKEY

As coisas que a gente descobre passeando pela internet são de deixar os fantasminhas de Adam Smith e Darwin ainda mais pálidos... e não é potoca nem hoax não, é pesquisa feita com seriedade, método e rigor científicos e noticiada pelo NYT. Olha só :

But these facts remain: When taught to use money, a group of capuchin monkeys responded quite rationally to simple incentives; responded irrationally to risky gambles; failed to save; stole when they could; used money for food and, on occasion, sex. In other words, they behaved a good bit like the creature that most of Chen's more traditional colleagues study: Homo sapiens.

 

Pois é, foi só ensinarem os bichinhos a tratar um disco prateado como moeda de troca, e eles não só aprenderam a comprar comida como também começaram a roubar quando tinham oportunidade e a comprar e vender sexo de vez em quando. Ou seja, se comportaram como verdadeiros humanos, ou pelo menos como politicozinhos de qualquer partido. E eu que achava que pelo menos o PV ainda era puro...



Escrito por Cynthia às 10h04
[] [envie esta mensagem]



CADÊ A PETA ?

Nesses raros e deliciosos dias em que tem feito um leve friozinho - e pra goiano, 20 graus já é frio -, vejo uma quantidade surpreendente de tristes, cabisbaixos e envergonhados bichinhos de roupinha na rua. Até entenderia se o frio fosse mais sério ou se os fashion victims fossem bassets ou gatos de pêlo curto. Mas o que explica pegarem persas felpudos ? Pior, por que atacarem poodles perfeitamente fofos com sua pelagem de carneirinho, e tosarem os bichos até ficarem com cara de bobos, pra depois vestirem casaquinhos xadrez nos pobres coitados ? Ah, esses humanos...

Escrito por Cynthia às 10h50
[] [envie esta mensagem]



ANSIEDADE MATA

Numa coisa notícia boa é tão horrível quanto notícia ruim : quando precisa de confirmação, e ela não vem, só serve pra gente ficar à beira de um ataque de nervos. Principalmente quando para o nosso próprio bem a cara de pôquer é fundamental. E eu, que já não fumo mais nem um vigésimo do que costumava, nunca roí unha (acho um nooooojo), não posso beber no trabalho e tô de dieta, tô aqui me segurando pra não avançar a dentadas na minha vela perfumada de chocolate... putz, acho que não ficava assim desde quando tava dançando o RPC* com o gatim, há uns 8 anos...

 

*Ritual Pré-Copulatório, segundo minha amiga Lu.



Escrito por Cynthia às 15h34
[] [envie esta mensagem]



O HORIZONTE SE ILUMINA ?

Here comes the sun, tweedundoodle,

Here comes the sun, tweedundoodle,

It's (will be) all right...



Escrito por Cynthia às 08h02
[] [envie esta mensagem]



MATEMÁTICA PERVERSA É ISSO.

Minha sexta foi ótima, meu sábado delicioso, meu domingo perfeito. Amanheci em estado de graça, mesmo sendo segunda. Mas bastou uma palhaçada de um mau-caráter asqueroso e filho da puta pra acabar com a minha semana. Assim não dá. Mas da próxima vez eu juro que avanço no vagabundo, e posso até sair da sala sem emprego, mas garanto que ele sai no mínimo sem dois dentes. Da frente.

 



Escrito por Cynthia às 13h29
[] [envie esta mensagem]



ISSAQUIÔ-Ô...

Retrato da nação é o coleguinha que tentou te convencer de que plágio não tinha nada de mais e que fazia nota fria quando era “poprietário” tendo acessos de indignação (sem ruborizar) com a “corrupção desses políticos”. Anrã.



Escrito por Cynthia às 14h59
[] [envie esta mensagem]



ATRASADA, COMO SEMPRE

Quando a megavilhosa Meg perguntou no subrosa qual era a fala predileta dos leitores em filmes, eu não respondi na caixinha de comentários. Primeiro porque minhas favoritas eram tantas que eu não saberia citar só uma. Depois, porque uma das minhas inúmeras preferidas, e das poucas de que ninguém mais falou, eu não sabia nem de que filme era, e depois dele já foi tão reutilizada que acabou perdendo a originalidade que tinha na época. Mas como imdb é pra essas coisas, hoje eu me lembrei e descobri : é do filme Switch, de Blake Edwards, e vai aqui em inglês porque a ordem do adjetivo funciona melhor e porque, pelamor, traduzir esse tipo de coisa é como botar o Rhett Butler dublado, falando "honestamente,  minha cara, eu não ligo a mínima". Tsc.

Fur Protestor: Do you know how many poor animals they had to kill to make that coat?
Margo Brofman: Know how many rich animals I had to fuck to get this coat?

 



Escrito por Cynthia às 14h40
[] [envie esta mensagem]



BAH, BENTO.

Vi na TV que o papa condenou os ataques terroristas a Londres (supreendente, não ?) e disse que quem fez isto é mau, não respeita a vida e é anti-cristão. Alguém explica pro fofo que os terroristas são muçulmanos, ou seja, não dão um traque pra esse papo de cristandade, e que se realmente pertencem à Al Qa*da - e tudo indica que sim - , têm uma fatwa pra cima de todos que não compartilham da fé e das idéias deles (algo assim como fazem o Bush e sua turma, só que mais descarados e sem esse papo de que bombardeiam civis e usam armas químicas em inocentes pra libertá-los de seu governos feios e malvados) ? Mas se forem explicar, por favor façam isso rápido, antes que ele ameace o Os*ma com a excomunhão, porque aí o barbudo pode ficar zangado de verdade e mandar seus boom-boom boys pra destruir aqueles lindos Michelangelos da Capela Sistina e outras obras de arte que o Vaticano acumulou ao longo dos séculos. E isso, ao contrário de pessoas, ovelhas, fiéis e outros bichos criados para abate, não tem como repor.



Escrito por Cynthia às 13h54
[] [envie esta mensagem]



NADA PRA DIZER ? TALK ABOUT THE WEATHER...

Goiânia só tem duas estações, a seca e as águas, quando também é quente, mas um pouco menos, e mais molhado, óbvio. E tem poucas e preciosas semanas de paraíso, quando faz um friozinho suficiente pra se colocar uma camiseta de manga comprida sem suar feito tampa de quentinha. Como o clima este ano tem sido uma zona só, com chuva em maio, friozinho em abril e outras estranhezas, não é de se espantar que em pleno julho esteja quente sem estar infernal durante o dia e bem fresquinho à noite e de manhã. Não entendo lhufas de botânica nem de épocas de floração, mas sei muito bem que tá cedo pra primavera. Apesar disso, meu caminho pro trabalho tá uma beleza. Céu azul translúcido que nem corpinho de cotonete, sem uma nuvem nem pra fazer chá. Árvores floridas aparecendo de repente ao se dobrar uma esquina, parecendo pontos de exclamação fora de hora !!!! Árvores que eu não poderia nomear, a não ser quando são as óbvias quaresmeiras, de flores roxas feito hematoma fresco, ou bougainvilleas, de todos os tons rosados e alaranjados, inclusive um púrpura de fazer cardeais e monsenhores terem chiliques e sapatearem de inveja. Cercas vivas altas e bem podadas cobrindo os muros, todas de um verde impossível nesse clima que deixa a gente com lábios parecendo couro de jaqueta de aviador por baixo do batom hidratante e com a mucosa do nariz totalmente craquelée. Uma paineira enorme na rua 84 já teve seu apogeu, em que as folhas sumiram, ela explodiu em flores cor-de-rosa e ficou assim por uma semana, mas a pateta aqui não se lembrou de andar com a câmera e não pode provar. Agora a paineira já passou pela fase em que todas as flores murcharam e foram varridas, mas tá armando seu próximo e apoteótico show : uma nevasca, assim que os frutinhos que agora parecem mangas verdes estiverem prontos pra estourar e soltar paina branca em flocos que vão cair em slow-motion por toda a calçada. Bem-te-vis cantam na vizinhança do meu prédio, bebem água na piscina da chácara do meu pai, fazem ninhos nos postes da cidade, lindos com suas barriguinhas amarelas, as máscaras de Zorro lhes dando um ar intrépido e aventuroso, que as Bem-te-vias (hohoho) devem achar fascinante. Mas o melhor, até por ser o mais raro e mais curto, ainda é o frio matinal. Aquele friozinho que faz com que você acredite em pecado, porque só pode ser pecado, e mortal, se desembaraçar do edredom e do marido quentinhos e ir gelar a bunda no chuveiro às 7 da madrugada, por mais que o caminho até o trabalho seja cheio de cores – atenção, Adriana Calcanhoto – CUJO nome eu não sei...  mas pelo menos nesses dias eu entendo por que é que às vezes eu gosto de verdade de morar aqui.



Escrito por Cynthia às 15h50
[] [envie esta mensagem]



O TORÓ DO DELÚ*IO

Tudo bem que o tesoureiro do PT tenha achado que se viesse chorar as pitangas na terra dele teria colo. Tudo bem que o pessoalzinho da UNE ainda não tenha entendido que depois da queda do muro de Berlim, no século passado, congresso de estudante é só pra discutir questões estudantis e pro bom e velho "Papai-vos uns aos outros enquanto têm disposição, idade e estão soltos na vida". Tudo bem que sindicatos e outros chatos tenham resolvido fazer seus discursos berrados "em defesa da democracia, em defesa do PT, em defesa do Governo Lula"  de sexta até domingo, dia, noite e madrugada. Tudo bem - até achei graça - que eles pronunciassem a tal ladainha bem do jeito que eu me sentia, ou seja, "INdefesa do PT, INdefesa do governo Lula" e tal, me deixando com saudade do cara que vende pamonha no carro de som. O que não tá tudo bem é que toda essa putaria decibélica lá longe, na Praça Universitária, por algum fenômeno físico/sonoro que eu não entendo, parecia estar acontecendo bem debaixo da minha janela. Aí eu começo a desconfiar que é por isso que Roberto Jefferson et caterva continuam sendo eleitos a cada pleito. É que eles roubam, articulam, intrigam, mas não estouram os tímpanos do eleitorado de madrugada e nos fins de semana. Só pode ser isso.



Escrito por Cynthia às 16h24
[] [envie esta mensagem]



[ ver mensagens anteriores ]





Meu perfil
BRASIL, Mulher, de 46 a 55 anos, Portuguese, English, Cinema e vídeo, Livros


 


Histórico
01/08/2017 a 31/08/2017
01/05/2017 a 31/05/2017
01/02/2017 a 28/02/2017
01/01/2017 a 31/01/2017
01/11/2016 a 30/11/2016
01/09/2016 a 30/09/2016
01/06/2016 a 30/06/2016
01/05/2016 a 31/05/2016
01/04/2016 a 30/04/2016
01/02/2016 a 29/02/2016
01/11/2015 a 30/11/2015
01/09/2015 a 30/09/2015
01/08/2015 a 31/08/2015
01/07/2015 a 31/07/2015
01/06/2015 a 30/06/2015
01/03/2015 a 31/03/2015
01/11/2014 a 30/11/2014
01/10/2013 a 31/10/2013
01/09/2013 a 30/09/2013
01/05/2013 a 31/05/2013
01/02/2013 a 28/02/2013
01/10/2012 a 31/10/2012
01/08/2012 a 31/08/2012
01/07/2012 a 31/07/2012
01/05/2012 a 31/05/2012
01/02/2010 a 28/02/2010
01/01/2010 a 31/01/2010
01/12/2009 a 31/12/2009
01/09/2009 a 30/09/2009
01/07/2009 a 31/07/2009
01/06/2009 a 30/06/2009
01/05/2009 a 31/05/2009
01/04/2009 a 30/04/2009
01/03/2009 a 31/03/2009
01/02/2009 a 28/02/2009
01/01/2009 a 31/01/2009
01/12/2008 a 31/12/2008
01/11/2008 a 30/11/2008
01/10/2008 a 31/10/2008
01/09/2008 a 30/09/2008
01/08/2008 a 31/08/2008
01/07/2008 a 31/07/2008
01/06/2008 a 30/06/2008
01/05/2008 a 31/05/2008
01/04/2008 a 30/04/2008
01/03/2008 a 31/03/2008
01/02/2008 a 29/02/2008
01/01/2008 a 31/01/2008
01/12/2007 a 31/12/2007
01/11/2007 a 30/11/2007
01/10/2007 a 31/10/2007
01/09/2007 a 30/09/2007
01/08/2007 a 31/08/2007
01/07/2007 a 31/07/2007
01/06/2007 a 30/06/2007
01/05/2007 a 31/05/2007
01/04/2007 a 30/04/2007
01/03/2007 a 31/03/2007
01/02/2007 a 28/02/2007
01/01/2007 a 31/01/2007
01/12/2006 a 31/12/2006
01/11/2006 a 30/11/2006
01/10/2006 a 31/10/2006
01/09/2006 a 30/09/2006
01/08/2006 a 31/08/2006
01/07/2006 a 31/07/2006
01/06/2006 a 30/06/2006
01/05/2006 a 31/05/2006
01/04/2006 a 30/04/2006
01/03/2006 a 31/03/2006
01/02/2006 a 28/02/2006
01/01/2006 a 31/01/2006
01/12/2005 a 31/12/2005
01/11/2005 a 30/11/2005
01/10/2005 a 31/10/2005
01/09/2005 a 30/09/2005
01/08/2005 a 31/08/2005
01/07/2005 a 31/07/2005
01/06/2005 a 30/06/2005
01/05/2005 a 31/05/2005
01/04/2005 a 30/04/2005
01/03/2005 a 31/03/2005
01/02/2005 a 28/02/2005
01/01/2005 a 31/01/2005
01/12/2004 a 31/12/2004
01/11/2004 a 30/11/2004
01/10/2004 a 31/10/2004
01/09/2004 a 30/09/2004
01/08/2004 a 31/08/2004
01/07/2004 a 31/07/2004
01/06/2004 a 30/06/2004
01/05/2004 a 31/05/2004


Outros sites
Gatim Forever
Fal
Scarlet Cam
Crônicas Urbanas
Ma Helena & Chris
Smorgasblogs
Fridas
Marcio Gaspar
Avant dernière
Zeno & Pinto
Ratapulgo
Mau humor
Mme Mean (& Belly !)
Max
O Bagaço da Laranja
Inagaki
Solange
Jean Boechat
Rozzana
Malvados
Catarina (with a ghostwriting mum)
Yara
Milton Ribeiro

rmx, el pupo et al
Catarro Verde
Cláudia Lyra
Patty Diphusa
Blog da Xará
Dito assim
Hermenauta
Paula
Claudio Luiz
l.
Carla
He Is Evil
Edu
Kris
Lu
Renata
Idelber
Lola
Pausa
Sambambaia psicótica
Rubão
Beth
LuiGu
Tec
Silvana
Uh Baby
Celinho
Dalva
Carol
Reverberações
Adrina
Viking Zen
Deh
Zé da Goma
Bela
Calexico
Googa Alayon
Meg Marques
Nervocalm gotas
Non importa dove
Tati Perolada
Pedro
Jojo
Dra. Cristiane
Tuca
Pat Köhler
Marcos VP
Cyn City - The old town
BBC (Ivan Lessa)
Mutts
Post a secret
Cattoons
Orneryboy
Her !
Rose is Rose
Clientcopia
Comix w/o words
Cute (kids') games
AJUDE O INSTITUTO CISNE
Zé Simão







UOL
adopt your own virtual pet!